As investigações da Polícia Federal demonstraram que a organização criminosa teria lavado, pelo menos, R$ 6.232.407,00 entre 2013 e 2014.


A Polícia Federal notificou nesta sexta-feira (04), o Presidente da Câmara de Vereadores de Encruzilhada/BA para que afaste das funções o Prefeito Municipal, Wekisley Teixeira Silva (PMDB), o Dr. Lei, e um servidor público da área de saúde por tempo indeterminado, com base no artigo 17-D da Lei de Lavagem de Dinheiro. De acordo com a PF, ambos cometeram crimes de responsabilidade, fraude a licitação, lavagem de dinheiro e por serem integrantes de organização criminosa em investigação que apurou desvio de recursos públicos de uma cooperativa da área de saúde que atuava em diversos municípios da região sudoeste da Bahia.