SOB VAIS,VITÓRIA É GOLEADO PELO VASCO E SE AFUNDA NO Z-4

Sob vaias, Vitória é goleado pelo Vasco e se afunda no Z-4

 
Por Redação Galáticos Online | Fotos: Maurícia da Matta / EC Vitória
Com muitas vaias da torcida e gritos de burro ao técnico Alexandre Gallo, o Vitória decepcionou e perdeu mais uma partida em casa na Série A. Pior mandante da competição, o Rubro-negro desta vez foi goleado pelo Vasco, por 4 a 1, no Barradão.
 
Kanu, contra, Thalles e Paulo Victor marcaram os gols do triunfo carioca. Kanu descontou.
 
Com o revés, o time baiano se afundou na zona de rebaixamento. Com seus 12 pontos, o Leão caiu para a 18ª colocação e pode terminar a rodada na vice-lanterna.
 
Agora, os comandados de Gallo tentarão juntar os cacos para enfrentar o Palmeiras, no domingo (16), em São Paulo.
 
 
 
O JOGO
 
O Vasco começou assustando e quase marcou aos sete minutos. Escudero cobrou escanteio, Rafael Marques desviou de cabeça no primeiro pau e acertou o travessão.
 
Um minuto depois, o Vitória tentou responder. Cleiton Xavier recebeu bola na área, passou por um adversário e chutou no canto. Martín Silva fez a defesa para evitar.
 
Dois minutos depois, o Rubro-negro sofreu uma baixa. Ramon deixou o campo com dores na coxa e precisou ser substituído por Fred.
 
Aos 13, o time carioca balançou as redes. Escudero chutou cruzado de fora da área, Kanu tentou cortar e mandou para o próprio gol.
 
Aos 23, o Leão chegou com perigo. David cruzou bola da direita, Carlos Eduardo desviou com um carrinho na área, mas Martín Silva fez outra boa defesa.
 
Aos 31 minutos, o time baiano teve outra boa chance. Cleiton Xavier cobrou falta na área, André Lima raspou de cabeça e a bola passou muito perto da trave.
 
Seis minutos depois, o Vitória perdeu a chance mais clara da primeira etapa. David tabelou com Cleiton Xavier, invadiu a área e rolou para André Lima. Quase na linha do gol o atacante se atrapalhou e perdeu a grande oportunidade.
 
No segundo tempo, Alexandre Gallo fez a primeira mudança aos dez minutos. O técnico sacou Yago para a entrada de Neilton.
 
Cinco minutos depois, Renê Santos pediu para deixar o jogo. Gallo, então, colocou Paulinho e deixou a equipe sem volantes.
 
Mas, foi o Vasco quem assustou aos 20 minutos. Pikachu cobrou falta colocada e Fernando Miguel, com a ponta dos dedos, fez bela defesa para salvar.
 
Aos 24, o Leão chegou ao empate. Patric cruzou bola da direita, Kanu subiu alto e desviou de cabeça no canto do goleiro.
 
Mas, aos 29, o Vasco voltou à frente do placar. Guilherme lançou Thalles, que passou entre Kanu e Fred, driblou Fernando Miguel na área e só teve o trabalho de empurrar para as redes.
 
Aos 46, a zaga do Vitória parou, Paulo Victor recebeu livre e, com um toque de cobertura, encobriu Fernando Miguel para fazer o terceiro. E ainda houve tempo para o quarto, com Guilherme, no último minuto de jogo
 
Vitória 4 x 1 Vasco
Brasileirão Série A – 13ª rodada
 
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data/Horário: 12/07/2017, às 21h45
Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI). Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fabio Pereira (TO)
Cartões amarelos: Geferson, Fred, Carlos Eduardo, Kanu (VIT); Wellington , Thalles (VAS)
Gols: Kanu-contra, Thalles, Paulo Victor, Guilherme (VAS); Kanu (VIT)
 
Vitória
Fernando Miguel; Patric, Kanu, Ramon (Fred) e Geferson; Renê Santos (Paulinho), Cleiton Xavier, Yago (Neilton) e Carlos Eduardo; David e André Lima. Técnico: Alexandre Gallo.
 
Vasco
Martín Silva; Madson, Rafael Marques, Jomar e Ramon; Jean, Wellington, Pikachu, Wagner e Escudero (Guilherme); Thalles. Técnico: Milton Mendes

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.