Metrô de SalvadorDesde ontem, domingo (20), a integração do metrô com os ônibus urbanos foi ampliada em 21 linhas. “A integração é fundamental para assegurar que o metrô cumpra com a sua vocação natural, de transporte estruturante e de rede, proporcionando mais qualidade ao transporte público e garantindo mais mobilidade, com conforto e segurança, para a população”, destacou o secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Carlos Martins. Desde o início do mês, 45 linhas foram integradas ao sistema e, até o dia 30, outras 17 passam a fazer parte, totalizando mais de 250 linhas urbanas integradas ao metrô sem qualquer custo extra aos passageiros. “A integração é um processo gradativo e constante, que irá avançar ainda mais com a Linha 2 do metrô”, pontuou Carlos Martins. Atualmente, as obras da Linha 2 estão com mais de 76% de avanço físico e 12 estações em construção. No início de dezembro, o primeiro trecho será inaugurado, do Acesso Norte ao Detran e, em maio de 2017, o metrô inicia operação na Avenida Paralela até a Estação Pituaçu. ”Com a Linha 2, a integração irá abarcar as linhas de ônibus que acessam Salvador pela Paralela, a partir da Estação Mussurunga. Todavia, é fundamental que a Prefeitura de Salvador viabilize a ampliação da integração com as linhas urbanas, para assegurar que o passageiro possa completar o trajeto com destino a qualquer ponto da cidade, seja de qual forma ele tenha chegado ao metrô, pagando apenas uma passagem”, explicou Martins. “O Governo do Estado não mede esforços para isso. Temos nos reunido, regularmente, com a Prefeitura e os empresários para viabilizar uma integração plena e a serviço de toda a população”, assegurou. (Fonte: Política Livre)