PATROCINADORES


sexta-feira, 18 de novembro de 2016

DEU O ESPERADO.SANTOS BATE O VITÓRIA NA VILA:3 X 2



Sem resenha, apenas o registro de mais uma jornada fracassada do Esporte Clube Vitória mesmo em um momento crucial do Campeonato Brasileiro da Série A, onde luta como um desesperado para renovar o alvará para o exercício 2017 na condição de time de primeira divisão. É verdade, não fez uma má partida especialmente no 1ª tempo, no entanto, não incomodou o time do Santos de forma importante em qualquer estágio dos primeiros 45 minutos, apenas segurou o Santos até os 34 minutos, quando o colombiano Jonathan Copete aproveitou-se de um passe perfeito de Lucas Lima entre o zagueiro do Vitória e um erro da arbitragem que não sinalizou o impedimento e fez um 1 x 0 para o time santista. Ai se o problema já era grande antes de nascer, agigantou-se quando ganhou corpo com o Santos na frente do placar e o pior, mostrando ainda muito interesse pela conquista do titulo, ainda que atrás do Palmeiras seis pontos antes da rodada. A tarefa do Leão, era daquelas listadas entre as impossíveis. Até que o Leão empatou a partida numa jogada achada, um toque na mão do zagueiro em uma jogada sem qualquer perigo de gol. Pimba, Marinho vai lá bate e converte e as esperança do Vitória renasce de repente. Nada fazia para justificar o empate. Não importa. O resultado parcial, não resolvia mais ajudava o catado de pontos que o Leão precisa juntar para escapar. Mas não demorou muito e a conta precisou ser refeita. Diego Matheus que acabará de entrar faz pênalti, Ricardo Oliveira bate e faz 2 x 1, através de uma penalidade que no meu entendimento inexistiu e quando o negócio já estava preto, Copete faz o 2ª dele, faz 3 x 1 e quem estava morto foi enterrado. O jogo se arrasta até o fim com o Vitória depositando todas as fichas no atacante Marinho, mas desta sem sucesso e por fim Serginho descontou, mas o Leão volta para casa amargando uma nova derrota, um revés que estava dentro dos planos pelo torcedor do Leão, até pelo amigo vovo-mundico. Com o resultado de derrota e o triunfo parcial do Internacional em cima da Ponte Preta, o Leão parado com 39 pontos, retorna para o Z4. Agora precisa vencer o Figueirense e depois esperar que o Corinthians engrosse o caldo contra o Internacional no Domingo ou que o Sport-PE seja derrotado pelo América-MG no Estádio Independência. (Futebol Bahiano)

Nenhum comentário:

Postar um comentário